Um, dois, três: o Inter é freguês.

É o que canta a torcida da Papada – os gringos do Juventude – após decretada a vitória de agora há pouco por TRÊS a zero ante o rival Inter. A goleada se concretizou toda no segundo tempo, com gols basicamente de contra-ataques e erros individuais por parte da esquadra vermelha – e oportunismo dos atacantes do time da serra.

Vou confessar aqui que eu tinha acabado de pôr os pés em casa, e Paulo Brito gritava “feitooo” na TV anunciando o início da derrota colorada. E isso não é algo inédito, já aconteceu algumas vezes contra o Inter (não em Grenais, infelizmente). Inclusive naquele jogo contra o Barcelona cheguei a ir dar uma volta na rua pra ver se tomavam o gol (acho que devido ao fuso não funcionou). A última que me lembro foi contra o São Luiz, no jogo do 19 de Outubro, em que cheguei em casa e acabara de ser mercado o penal que o juca-bala do meio campo ijuiense ia acabar perdendo (cheguei adiantado, no caso).

Enfim, sorte de vocês que o Juventude está na segundona.
Segue o baile.

Anúncios

~ por Moisés Ribeiro em 13.março.2008.

Uma resposta to “Um, dois, três: o Inter é freguês.”

  1. Bah, eu ria lendo o jornal hoje de manhã!!
    O Abel: “Eles não jogam assim com o Grêmio”
    hauahuahauhauahu
    Bom trabalho, como sempre, filial.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

 
%d blogueiros gostam disto: